Do G1

O secretário de Avaliação de Políticas Públicas, Planejamento, Energia e Loterias do Ministério da Economia, Alexandre Manoel da Silva, anunciou à sua equipe que deixará o cargo na próxima semana.

O economista do Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea), alegou motivos pessoais. A exoneração deve ser publicada até segunda no “Diário Oficial”. Ele coordenou no ano passado a concessão à iniciativa privada da loteria instantânea, conhecida popularmente como “raspadinha”

A saída de Alexandre Manoel irá provocar uma reestruturação na secretaria, que além das áreas de energia e loterias, acompanha a eficiência de políticas públicas, como os subsídios da União.

O ministro Paulo Guedes também pediu ao secretário-executivo da pasta, Marcelo Guaranys, que coordene uma proposta de reorganização do Ministério da Economia, para eliminar sobreposições nas atribuições da secretarias especiais que ocorreram pela junção dos antigos ministérios da Fazenda, Planejamento, Desenvolvimento e Comércio e Previdência.

Guedes também quer dar mais agilidade à execução das políticas do ministério. As mudanças podem abarcar o recém chegado Programa de Parcerias de Investimentos, que acabou de ser transferido da Casa Civil para a Economia, onde manteve o status de secretaria especial. Até abril é prevista a publicação de um decreto reestruturando a pasta.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *