Do UOL

A Assembleia Legislativa de São Paulo (Alesp) aprovou hoje pela manhã a proposta de reforma da previdência do estado.

A proposta da reforma foi aprovada em segundo turno com 59 votos a favor — dois a mais que os 57 necessários para a aprovação — e 32 contra.

A PEC aumenta a alíquota de contribuição que passa de 11% para 14 %. O tempo de contribuição também aumenta para 25 anos. Além disso, a idade mínima para aposentadoria, também sofre alterações. Ela passa de de 62 anos para mulheres e 65 para homens.

Professores, policiais civis e agentes penitenciários entram em um regime de aposentadoria especial. Esses profissionais ainda precisam ter 25 anos de contribuição, mas poderão se aposentar, mulheres aos 57 anos e homens aos 62 anos.

A votação da PEC em segundo turno foi tensa. Servidores públicos tentaram ocupar a Alesp e foram barrados por policiais militares que faziam a segurança do local.

Por volta das 11h50 (de Brasília) a confusão ainda acontecia nos arredores da Alesp e a polícia tentava conter a multidão com bombas de gás, segundo mostravam imagens da GloboNews.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *